sábado, 14 de abril de 2012

La Charbonade: o que era quase um segredo, cresceu e virou um "castelo"!

Château du Vin La Charbonade

Quem passa pela estrada que leva ao aeroporto de Canela inevitavelmente tem sua atenção despertada por uma edificação semelhante a um castelo. Ela surgiu ao longo de 2011, erguida com paixão e denodo pela família Heidrich, o patriarca Humberto, esposa e filhos. A paixão é a mesma que nutrem pelo vinho, o denodo foi marca de décadas de trabalho, desde que instalaram um pequeno restaurante na rodovia entre Gramado e Canela.

Foi a partir dele, chamado La Charbonade, e de seus diferenciais - em cada mesa havia uma chapa semelhante a um réchaud, forjada lá mesmo - que os Heidrich começaram a construir sua reputação em referência a gastronomia e vinhos. Em viagens frequentes, especialmente a Argentina e Chile, Humberto garimpava pequenos produtores, capazes de se integrarem a seu portfólio de importações, mediante os critérios de qualidade e preço.

Em seguida ergueu uma loja com adega subterrânea, onde amealhava preciosos vinhos, capazes de atrair clientes ocasionais, ou proprietários de residências que chegavam para o final de semana. Logo, conhecidos restaurantes passaram a requisitar que suas cartas de vinhos fossem montadas e abastecidas pela equipe de La Charbonade. E o sonho do castelo martelando, martelando na mente do incansável Humberto...

Semana passada deixou de ser sonho: em uma grande área, com amplo estacionamento, inaugurou-se o Château du Vin. Na adega, 6 mil rótulos de vinhos e outras bebidas, nas prateleiras azeites, queijos finos, presuntos, salames e copas a comporem um novo mix de produtos. E de serviços: além da loja (foto menor), wine bar, escola, cozinha educacional e museu integram o projeto.

Visitantes são bem-vindos, os Heidrich têm prazer em mostrar, transmitir conhecimentos e, se for o caso, auxiliar em escolhas adequadas a seu paladar e ao que pretender gastar.

Av. José Luiz Corrêa Pinto, 800, Canela, tel. (54) 3282-4313.


Postar um comentário